David Gilmour no Brasil: Bom humor, Pink Floyd e um brasileiro na banda

Por Lizandra Pronin (TDMúsica), 10/12/2015 - 19h45
O guitarrista David Gilmour, que chegou ontem ao Brasil para sua primeira turnê pelo País, recebeu a imprensa na manhã dessa quinta-feira, na capital paulista, para uma entrevista coletiva.

O encontro com os jornalistas ocorreu no próprio Allianz Parque, onde acontecem os dois primeiros shows da turnê - nessa sexta e sábado (veja todas as informações no final). Os flashes pipocaram como se Gilmour fosse um astro pop, assim que este entrou na Sala de Conferências do Allianz Parque.

Mas Gilmour não estava só: sua esposa Polly Samsom, o saxofonista curitibano João de Macedo Mello (que integra a banda de Gilmour) e o músico e produtor Phil Manzanera também estiveram presentes na coletiva.

A atual turnê

Essa turnê é especial porque é a primeira vez que Gilmour vem ao Brasil. Ele ouviu dizer que, no passado, vir à América do Sul não era tão fácil e muitos artistas relataram problemas. Mas hoje isso não acontece mais e o guitarrista pode trazer toda sua parafernália: 10 containers, oito dos quais exclusivos para o material de iluminação e efeitos cênicos.

Sobre o repertório, Gilmour lamentou não poder tocar todas as músicas que os fãs desejam: "Há músicas que não são mais tão relevantes para o momento". Mas o músico garantiu que irá cobrir sua carreira de maneira geral, com muita coisa do Pink Floyd entre seu material solo.

Pink Floyd

Como era esperado, vieram algumas perguntas sobre o Pink Floyd. Gilmour, coisa que já havia feito em diversas outras ocasiões, deixou claro que o ciclo do Pink Floyd se fechou.

O guitarrista comentou como foi estranho o encontro da banda para o Live Aid, em 2005, quando fizeram ensaios tensos durante os quais discutiu com Roger Waters sobre o repertório do show. Gilmour chegou a dizer a Waters que ele era "apenas um convidado" e que ele é quem escolheria as músicas para o show, tornando o clima bem ruim.

Mas foi a falta de interesse de Gilmour, este nos diz, o mais importante para que o Pink Floyd não retomasse, naquela época, uma carreira.

Polly Samsom, mais que uma esposa

Mais que "a esposa do David Gilmour", a jornalista e escritora Polly Samsom parece ter uma participação bastante ativa na carreira musical do veterano. Polly é coautora de várias letras do álbum "The Division Bell", do Pink Floyd, e em 2006 contribuiu com letras para o disco solo de Gilmour, "On an Island", assim como no novo disco, "Rattle That Lock".

Ao lado do músico, ela falou sobre como é diferente escrever uma letra, coisa que faz sempre com base na música previamente composta por Gilmour, e escrever um livro. Ela também completou algumas das respostas de Gilmour ao longo da coletiva.

Samsom aproveita sua passagem pelo Brasil para lançar seu novo livro, cujo nome, "Um Ato de Bondade", Gilmour fez questão de falar em português.

Phil Manzanera

Para quem não sabe, Phil Manzanera é produtor e ficou conhecido por ser guitarrista do Roxy Music. Mas ele e Gilmour se conheceram antes disso, ainda nos anos 60. A primeira vez que trabalharam juntos foi na década de 80, no disco "A Momentary Lapse of Reason", do Pink Floyd.

Na entrevista, Phil completou diversas respostas de Gilmour. Num determinado momento, Gilmour comentou: "ele é o professor, ele tem todas as respostas". Chamou a atenção seu ótimo humor.

Um brasileiro na banda

"Ele tem feito um trabalho fantástico", respondeu David Gilmour ao ser perguntado sobre João de Macedo Mello, o jovem brasileiro de 20 anos que o acompanha no palco tocando saxofone.

O rapaz, um pouco quieto, chegou a responder sobre a honra de tocar com o veterano em inglês - um dos repórteres, vale comentar, se dirigiu ao rapaz em inglês e este respondeu também nessa língua (dois brasileiros, no Brasil, conversando em inglês) até que Gilmour perguntou porque ele não falava em português - não sem antes elogiar seu inglês perfeito. João terminou sua resposta na nossa judiada língua.

O futuro do rock

Já no fim da entrevista, Gilmour recebeu uma pergunta sobre o futuro do rock: "Não sei, não sou um profeta" , respondeu de um modo jocoso, ainda que muito educado. Depois completou: "A verdade é que não há como saber isso".

Bom humor

David Gilmour é um lorde: educado, fino e elegante. Mas não pense que o músico foi frio, distante ou sisudo. Sempre sorrindo, chegou a fazer piadinhas e gracejos, provocando risos entre os jornalistas. Sua simpatia durou todos quase 40 minutos da coletiva.

Os shows de David Gilmour no Brasil acontecem de 11 a 16 de dezembro. Ainda há ingressos à venda, veja mais detalhes abaixo.

11/12/2015 - São Paulo/SP
Allianz Parque - Av. Francisco Matarazzo, 1705
Horário: 16h00 (abertura dos portões) e 21h00 (show)
Ingressos: R$ 1.200,00 (Cadeira Premium), R$ 1.000,00 (Cadeira VIP A, B), R$ 900,00 (Cadeira VIP C), R$ 400,00 (Pista), R$ 600,00 (Cadeira Inferior), R$ 320,00 (Cadeira Superior). Valores inteiros.
Classificação etária: 14 anos. Menores de 14 anos acompanhados dos pais ou responsáveis.
Vendas online: www.ingressorapido.com.br
Ponto de venda sem taxa de conveniência: Fnac Pinheiros (Praça dos Omaguás, 34) - SOMENTE no dia 25 de setembro das 10h00 às 22h00 / Bilheteria Allianz Parque - Avenida Francisco Matarazzo, 1705 (das 10h00 às 19h00)
Informações: www.davidgilmour.com.br/ingressos

12/12/2015 - São Paulo/SP
Allianz Parque - Av. Francisco Matarazzo, 1705
Horário: 17h00 (abertura dos portões) e 21h00 (show)
Ingressos: ESGOTADOS
Classificação etária: 14 anos. Menores de 14 anos acompanhados dos pais ou responsáveis.
Informações: www.davidgilmour.com.br/ingressos

14/12/2015 - Curitiba/PR
Pedreira Paulo Leminski - Rua João Gava
Horário: 15h00 (portões) e 20h00 (show)
Ingressos: R$ 480,00 (pista, inteira, 1º lote), R$ 1.040,00 (pista premium, inteira, 1º lote)
Vendas a partir do dia 10/09
Vendas online: www.blueticket.com.br
Classificação: 16 anos (Menores de 12 a 15 anos, somente acompanhado dos pais)

16/12/2015 - Porto Alegre/RS
Arena do Grêmio - Avenida Padre Leopoldo Brentano, 110
Horário: 17h00 (portões) e 21h00 (show)
Ingressos: R$ 270,00 (pista, inteira, 1º lote), R$ 550,00 (pista premium, inteira, 1º lote), R$ 350,00 (Cadeira Gramado Leste e Oeste, inteira, 1º lote), R$ 300,00 (Cadeira Gramado Sul, inteira, 1º lote), R$ 400,00 (cadeira Gold, inteira, 1º lote) Vendas a partir do dia 10/09
Vendas online: www.blueticket.com.br
Classificação: 16 anos (Menores de 12 a 15 anos, somente acompanhado dos pais)